História da Ciência e Ensino

Frequentemente o ensino ciências é um fracasso porque apresenta soluções perfeitas para problemas que nunca chegaram a ser formulados e compreendidos pelo aluno.

Rubem Alves

 

ovuloAs últimas décadas do nosso século vêm registrando um estado de profunda crise mundial. É uma crise com muitas variáveis e interações complexas, com implicações sobre vários aspectos do modo vida social, econômico, político e cultural. É temerário e perigoso que os cidadãos continuem ignorando o aquecimento global, a diminuição da camada de ozônio, a poluição do ar, o problema do lixo tóxico e radioativo, a chuva-ácida ou o crescimento exponencial da população.

Pensando nisso, parece indiscutível que se deva buscar novas alternativas para que haja uma alfabetização científica. Mas como tornar a ciência parte integrante da cultura e da vida das pessoas?

Japiassu (1998) comenta que a família e a escola constituem lugares onde o acúmulo dos traumatismos determina o comportamento do adulto diante da vida intelectual, e que os fracassos escolares na infância geram profundas angustias. Como o ensino das ciências é, em geral, um fracasso, surge muito cedo a aversão por ela. Essa aversão aumenta mais ainda quando as noções científicas e a explicação da natureza parecem questionar a subjetividade, a liberdade humana, os fundamentos da sociedade e a moral estabelecida.

O problema da alfabetização científica deve ser pensado dentro da problemática geral da Educação. A busca, portanto, é que fique evidente o papel social da ciência e suas interações com aspectos políticos, históricos, econômicos e éticos, diferentemente do ensino cotidiano que reproduz uma concepção de ciência a-histórica e neutra.

Dentro desse contexto, um estudo histórico sobre como a ciência se desenvolve, constitui um grande potencial para uma alfabetização científica.

É indiscutível que a Ciência permeia todas as nossas atividades diárias, então, nada mais necessário do que conhecê-la, porque também somos responsáveis pelo uso, e dela não podemos nos omitir. A ciência é uma das maneiras de interpretar a realidade, é uma das formas de pensamento desenvolvida pelo ser humano e desempenha um papel indiscutível no processo de civilização. Além disso, os resultados da ciência repercutem em todos os âmbitos da sociedade, pois estão associados à produção de tecnologia.

De acordo com Thomas Kuhn (2000), o ensino de ciências sem vínculo com a História da Ciência terá tantas possibilidades de assemelhar-se ao empreendimento que os produziu como a imagem de uma cultura nacional obtida através de um folheto turístico ou manual de línguas. Trindade (2003) acrescenta que a História da Ciência vem se mostrando um instrumento interdisciplinar competente na produção e alteração do conhecimento, abrindo caminhos para o estudante, conduzindo-o a autonomia nos estudos e na vida em sociedade.

Uma possibilidade é o trabalho com a tradução de textos históricos como a carta de confissão de Galileu (1633), O sonho de Kekué (1865), A descoberta do elemento químico Rádio (1895), a carta de Einstein ao presidente Roosevelt (1939), Sobre a lei periódica dos elementos (1889) etc. É óbvio que esta não é a solução para todos os problemas enfrentados na sala de aula. Mas com certeza é uma alternativa à forma descontextualizada, pronta e acabada que a Ciência é mostrada nos livros didáticos.

 

Bibliografia conslutada

JAPIASSU, Hilton. F. Um Desafio à Educação: Repensar a Pedagogia Científica, São Paulo, Letras & Letras, 1998.

KUHN, Thomas. S. A Estrutura das Revoluções Científicas. 9º edição, Editora Perspectiva, São Paulo, 2000.

TRINDADE, Diamantino Fernandes; TRINDADE, Laís dos Santos Pinto.  A história da História da Ciência: uma possibilidade para aprender Ciências. São Paulo: Madras, 2003.

5 respostas para História da Ciência e Ensino

  1. Tercília disse:

    Muito Bom!!!
    Você terá um grande caminho a trilhar. Não desanime nunca.
    Parabéns!

  2. Tercília disse:

    Seus artigos são muito bons.
    Nossa educação estava mesmo precisando de pessoas como você.
    Muita Sorte!!

    • Eduardo C. de Carvalho disse:

      Obrigado Tercília.
      A Educação necessita sim de pessoas que acreditem em seu trabalho, conscientes de sua função social e que busquem alternativas para um ensino mais eficiente, mesmo com todos os obstáculos enfrentados diariamente nas escolas públicas.

  3. Caroline Mello disse:

    Oi,minha professora de física deu um trabalho de pesquisa, o assunto é ‘a história da ciência’ e eu procurei e não achei nada que esclarecesse muito bem toda a história,será que poderia me ajudar ?
    obrigada

    • Eduardo C. de Carvalho disse:

      Olá Caroline, posso sugerir algumas obras que te ajudarão à compreender melhor a História da Ciência. Entretanto, devo alertar que este tema é muito amplo e difícil de ser compreendido em sua totalidade. Minha sugestão é que você escolha um episódio específico na História da Ciência e destaque o papel das controvérsias
      Por exemplo:
      A controvérsia Galileu/ Aristóteles sobre o princípio da causalidade final; A controvérsia Galileu/ Kepler a respeito da teoria lunar das marés; a discussão newtoniana/ cartesiana sobre a ação à distância; a discussão newtoniana/ berkeliana acerca da existencia de tempo e espaço absolutos; a discussão Newton/ Fresnel sobre a teoria da luz como partícula; a discussão Mach/ Bohr sobre a teoria atômica; a disputa Einstein/ Copenhagen acerca da interpretação determinítica da teoria quântica, etc.

      Bibliografia recomendada:
      “O que é história da Ciência” de Ana Maria Alfonso-Goldfarb – Editora Brasiliense
      “Grandes debates da Ciência” de Hal Hellman – Ed. UNESP
      “Breve História da Ciência Moderna” de Jose Claudio Reis; Marco Braga; Andreia Guerra – Jorge Zahar Editor
      “A história da História da Ciência” de Diamantino F. Trindade – Editora Madras
      “A dança do Universo” de marcelo Gleiser – Companhia das Letras
      “A ciência através dos tempos” de Attico Chassot – Editora Moderna

      Esses livros são facilmente encontrados em bibliotecas, sebos ou se preferir comprar novos, tem preços acessíveis.
      Espero ter ajudado. Abraços!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: